Quatro tendências de design que definirão 2020

Adobe Stock Colaborador
Fontes de imagem: Rostos abstratos modernos de Dariia, Renderização abstrata com esferas de Javier Pardina/Stocksy, Modelo de embalagens metálicas de café de MrMockup,  Conjunto de alfabeto com caligrafia manuscrita de Sergey Bitos.

De artesanato caseiro a novas formas de futurismo, estas tendências chegaram para dominar o seu ano

O design está presente em tudo o que vemos e fazemos. Com a chegada de 2020, profissionais de criação de todos os tipos estão percebendo que precisamos ser flexíveis para trabalhar com várias mídias, canais e ferramentas de design e nos comunicarmos de maneira eficaz com diferentes públicos.

No Adobe Stock, oferecemos uma plataforma para artistas de várias áreas e disciplinas, trabalhando em mídias que incluem ilustrações, vetores, modelos de design e de animação e 3D. Por muito tempo, utilizamos nossa ampla perspectiva e acesso a dados contidos em aplicativos de criação para oferecer informações abrangentes sobre tendências visuais futuras. Este ano, queremos ir ainda mais longe com o lançamento do nosso primeiro panorama dedicado das tendências visuais de 2020.

Para destacar as principais tendências que terão grande impacto este ano, analisamos as principais pesquisas, cores, fontes, designs e projetos que artistas criaram e compartilharam na Creative Cloud, no Adobe Stock e no Behance. Nossas equipes de curadores experientes do Adobe Stock e do Behance, lideradas pelos analistas de tendência de nossos serviços de criação, reuniram sua vasta experiência em análise e identificação de tendências para sugerir estas tendências essenciais para começar com tudo a próxima década de criatividade.

Confira nossa previsão das tendências de design que definirão 2020.

Humanismo artesanal

Adobe Stock: Mulher em uma cidade de Lilly Friedberg, Conjunto legal de stories orgânicas do Instagram de You and I Graphics, Título History and Memory de M. Lomon, Ilustração elegante em cores pastel de um rosto feminino com formas lineares de IMR
Adobe Fonts: Kremlin Pro Regular de Paratype, Flood de Adobe Originals, Chelsea Market de Tart Workshop.

Ilustrações orgânicas, texturas naturais e fontes rústicas são alguns dos principais elementos desta tendência que tem sido adotada por todos, de artistas independentes a startups voltadas para as pessoas. Esse visual é muitas vezes definido por artistas autodidatas que trazem um estilo novo, aparentemente espontâneo e natural conhecido por sua simplicidade e tom autêntico.

Segundo Brenda Milis, diretora de serviços criativos e tendências visuais do Adobe Stock, a ênfase naquilo que é criado de maneira artesanal e individual reflete uma mudança cultural mais ampla em direção ao pessoal e autêntico.

“Estamos vendo cada vez mais elementos artesanais no design e na cultura visual em geral, na medida em que artistas se esforçam para trazer um toque pessoal a trabalhos digitais em um mundo extremamente digitalizado”, afirma Milis. “Essa tendência de design está fortemente relacionada à maior tendência cultural/visual que identificamos, a qual chamamos de Expresse-se. Essa tendência reflete uma crescente receptividade a elementos pessoais no design que sensibilizam e se conectam com o público”.

Nami Berglund, curadora do Behance, também traça um paralelo entre o aumento do consumo consciente e da popularidade do artesanal.

“Se algo é artesanal, por exemplo, uma peça de cerâmica ou um vaso, o uso das mãos na produção desse objeto indica uma rejeição à produção em massa, ao plástico, ao lixo”, explica Berglund. “Muitas pessoas tomaram consciência em relação à Terra e ao desperdício, como a quantidade de plástico que polui nosso mundo e vai parar nos oceanos”. Ela acredita que a tendência em direção ao design artesanal é parte de uma onda de questionamentos acerca das nossas práticas de consumo.

Experimente:

Para marcas e designers, adotar elementos artesanais ajuda a criar uma personalidade acessível, além de ser uma maneira sincera e eficaz de se conectar com as pessoas em um nível emocional. 

Para incorporar essa tendência em seu trabalho, adicione um pouco de charme aos seus designs com formas, padrões, materiais 3D e pincéis artesanais usando o Adobe Capture. Se estiver a fim de esbanjar ainda mais sua criatividade, experimente texturas tradicionais, como pincéis aquarelados e a óleo, no novo aplicativo de desenho Adobe Fresco.  

Encontre mais inspiração na nossa coleção Humanismo artesanal

Leia mais: Cor do ano de 2020 da Pantone: Classic Blue

Semissurreal

Adobe Stock: Renderização abstrata com esferas de Javier Pardina/Stocksy, Renderização 3D de natureza-morta com busto de estátua de Dmitry, Conjunto de cartazes de evento futuristas de Design Army, Símbolo de rosa de neon, conceito de flat lay minimalista de flor de Zamurovic, Títulos de gel de Wavebreak Media, Renderização 3D de mão feminina de vidro de katia, 
Adobe Fonts: Rig Solid Zero Halftone de Jamie Clarke Type, Bubblegum Pop Highlight de Device Fonts, Flegrei Regular de Adobe Originals

Aparentemente no extremo oposto do espectro visual, há uma tendência que chamamos de Semissurreal. Caracterizada por cores brilhantes e justaposições inesperadas, esse tipo de trabalho é extremamente envolvente, em partes devido ao fascínio de suas implicações táteis. Embora a renderização de superfícies individuais possa parecer hiper-realista, o efeito como um todo é fantástico. No mundo do Semissurreal, nuvens delicadas de fumaça coexistem com peles de animais cor de neon, e planos elegantes e refinados se juntam em combinações que variam do onírico a artes de encher os olhos ou de dar água na boca. 

Berglund tem outro termo para descrever essa tendência: um “período de férias virtual”.

“Existe um interesse enorme por ambientes imersivos no momento”, ela afirma, mencionando várias obsessões culturais que estão se tornando uma febre sem mostrar sinais de que vão parar: a realidade virtual virou algo popular, a instalação Infinity Room de Yayoi Kusama está batendo recorde de público e comprar online passou a ser uma experiência multissensorial.

Berglund supõe que a insegurança econômica pode estar por trás de parte dessa busca pela fantasia. “A verdade é que muitas pessoas estão sofrendo”, afirma. “Acho que essa tendência tem muito a ver com a economia atual. As pessoas não podem escapar da realidade com muita frequência, e o melhor jeito de fazer isso hoje em dia é digitalmente: a Internet está bem nas nossas mãos graças aos dispositivos móveis. Você talvez não possa pagar aquela viagem perfeita do Instagram, mas pode mergulhar em um mundo surreal de fantasia por meio de uma experiência, como realidade virtual, instalações de arte ou compras”.

O novo design Semissurreal reflete as inúmeras maneiras com que artistas, designers de jogos, revendedores e marcas estão tentando atender a essa necessidade crescente. “Não é só fantasia”, esclarece Berglund, “mas sim uma fantasia envolvendo algo mágico e bonito. Essa tendência reflete o desejo coletivo de nos afastarmos dos horrores do dia a dia”.

Experimente:

Quer explorar a tendência de design Semissurreal? Comece experimentando gradientes, brilhos e novas maneiras de colorir objetos do dia a dia usando as ferramentas avançadas de composição do Photoshop. Crie composições abstratas no  Dimension por meio de iluminação, texturas e repetição de modelos equilibrados com paletas neutras para criar um visual harmônico.  Acima de tudo, deixe-se guiar por sua imaginação e curiosidade.

Encontre mais inspiração na nossa coleção Semissurreal

Art Déco atualizada 

Adobe Stock: Design conceitual de interiores no estilo Memphis de Jokiewalker, Layout de cartão de boas-vindas Art Déco de Polar Vectors, Renderização 3D de modelo de pódio de nikolarakic, Modelo de folha A4 com sombras de Custom Scene, Conjunto de rótulos de garrafa de licor vintage de Roverto Castillo, 
Adobe Fonts: Acier BAT Text Noir de Production Type, Gin Regular de Fort Foundry, Blakely Light de Mark Simonson Studio.

Conforme entramos nos formidáveis anos 20 deste século, as formas familiares da Art Déco marcam o seu retorno. A diferença desta vez? A Art Déco atualizada de hoje com certeza não é “retrô”. Em vez disso, ela mistura um sentimento intenso de nostalgia do século passado com um visual totalmente ousado e futurista.

“Em partes, essa tendência é uma resposta à inevitável estética elegante e simples que temos visto, especialmente em nossos produtos de tecnologia, nos últimos anos”, afirma Milis. “Acho que as pessoas querem ver mais ornamentos, mais elementos decorativos, mas sem perder essa modernidade e elegância”.

Talvez também haja uma causa mais pragmática para a explosão da tendência Art Déco atualizada, observa Berglund: “Estive observando o aumento dessa iteração mais simplificada da Art Déco junto ao desenvolvimento de ferramentas de software. Na medida em que softwares facilitam a criação de formas e materiais como água ondulada, metal brilhante e esferas reluzentes, vejo mais designs incorporando esses conceitos”, conclui. “Por exemplo, tenho visto mais cenas com piscinas de natação ou azulejos lustrosos”.

Além do ressurgimento de influências da line art e do cubismo no design gráfico atual, há também referências ao elegante movimento Streamline Moderne no design de produtos, de interiores e de animações, o que reflete uma era de inovação voltada para o futuro. Os layouts quadrados, os padrões geométricos e os detalhes metálicos do movimento Art Decó estão agora atualizados com um toque futurista e exercem grande influência na criação de tipografia de alta qualidade. 

Parte do que torna atualizada essa nova Art Déco é sua paleta de cores sofisticada e mais relaxante, que inclui cores como azul-piscina e rosas suaves junto a tons metálicos de bronze e de ouro rosé. As cores mais suaves e tímidas podem ser resultado dos efeitos penetrantes das redes sociais nas nossas vidas, na medida em que mais pessoas cruzam a linha entre o público e o privado, convidando seus amigos e seguidores online aos seus escritórios, seus quartos e até mesmo seus armários.

“Pense na popularidade de Marie Kondo”, brinca Berglund. “Em um momento, você está assistindo ao programa dela na TV; no momento seguinte, está comprando cabides ouro rosé e pensando que talvez devesse ter um armário mais legal e digno do Instagram!”

Experimente:

A nova Art Déco pode trazer uma camada de luxo aos seus projetos de criação de várias maneiras. Adicione toques metálicos e futuristas para deixar seus designs refinados. Use sombras e iluminação para realçar a sensação de drama e glamour. Experimente linhas perspectivas em padrões e procure novas tipografias na vasta biblioteca do Adobe Fonts usando os filtros de largura e de espessura. Uma paleta de cores pessoal e suave evita que seus designs pareçam “retrô” e os insere na atualidade. 

Encontre mais inspiração na nossa coleção Art Déco atualizada

Gótico moderno 

Adobe Stock: Conjunto de publicações de redes sociais com plano de fundo de erro de computador de Wavebreak Media, Layout abstrato de pôster escuro com detalhes neon coloridos de blackcatstudio, Padrão, ornamento no estilo gótico de ae, Renderização 3D de caveira escura de Deniss, Layout de grade de redes sociais neon futurista de Wavebreak Media
Adobe Fonts: Leather Light de Canada Type, Metalissa Black de Suitcase Type Foundry, Alexander Quill Regular de Canada Type

A combinação de materiais futuristas, iluminação sombria e tipografia chamativa faz essa abordagem visual parecer antiga e visionária ao mesmo tempo. Artistas estão criando dicotomias interessantes entre elementos analógicos e digitais, como referências a gráficos da época do início da Internet ou modelos de fita cassete com designs de ficção científica. Paletas mais escuras misturadas a tratamentos de cor ácidos fazem dessa tendência algo teatral, estimulante e especial.

Essa mistura de estéticas nostálgicas e futuristas é, de certa forma, um produto da nossa época marcada pela facilidade de acesso à informação e à tecnologia. Com serviços e plataformas como Spotify e YouTube, as novas gerações podem explorar o vasto arquivo digital em minutos e desenterrar as músicas, os filmes e as imagens da cultura pop mais ousadas ou populares das décadas passadas. O que antes exigia várias visitas a lojas de discos usados ou bibliotecas para ser encontrado agora pode ser revelado em poucos cliques.

Como um aspecto importante dessa tendência, influências do design cyberpunk estão ganhando destaque no crescente uso de elementos que remetem a falhas de computador, texturas plásticas e iconografia de cerca de 1995. Esse gênero fictício lucrativo, que consiste em uma mescla de film noir e cinismo em um futuro superavançado, ganhou popularidade nos anos 80 e 90, com livros clássicos importantes, como Neuromancer (de autoria do pai desse gênero, William Gibson), filmes de grande sucesso, como Blade Runner (1982) e Hackers (1995), e animes influentes, como Ghost in the Shell (1995).

1995 foi um ano importante para a tecnologia, trazendo o lançamento da Amazon.com, eBay, Craigslist e JavaScript, além do lançamento do Windows 95 e do primeiro DVD. Embora muito da Internet moderna estivesse só começando, a metade dos anos 90 foi marcada por um sentimento generalizado de esperança e utopia, pois muitas pessoas contemplavam os possíveis impactos positivos das novas tecnologias nas nossas vidas e a promessa de democratização da informação, acreditando que isso traria mais empatia e melhorias educacionais para todos. Em contraste, o cyberpunk fascinava porque chamava atenção para o possível e assustador lado sombrio da revolução tecnológica.

“Quando crianças”, relembra Berglund, “tínhamos uma estética específica em mente ao imaginar o futuro. Agora, essa geração dos anos 70 e 80 cresceu e está revisitando essa visão. Na nossa época, “futurista” significava novas estações espaciais, novas tecnologias e ir para Marte. Hoje, séries como Black Mirror reimaginam o cenário de um jeito mais próximo da realidade… e pode ser assustador! Esse tipo de cultura pop explora as implicações mais sombrias de um futuro próximo resultantes da tecnologia com que vivemos todos os dias”.

Experimente:

Para trazer a estética Gótica moderna ao seu trabalho, pense em maneiras inusitadas de experimentar designs sombrios e dramáticos. Por exemplo, tente trabalhar com fumaça, sombras e efeitos grunge no Photoshop. Esses efeitos podem adicionar profundidade e granulado aos seus conceitos criativos. Adicione texturas de erro ou neon para obter um visual cyberpunk. Para deixar o projeto um pouco mais gótico, incorpore ativos medievais ou 3D com objetos metálicos e natureza-morta. Experimente os recursos tipográficos criativos do Illustrator para criar tipografias ousadas como base de seus designs. 

Encontre mais inspiração na nossa coleção Gótico moderno.  

Se você estiver trabalhando com essas tendências, adoraríamos ver seu trabalho. Compartilhe sua abordagem dessas tendências usando a hashtag #AdobeDesign nas redes sociais. Se estiver interessado em se tornar um artista do Adobe Stock, cadastre-se e dê uma olhada nas diferentes diretrizes para nossos tipos de ativo. 

Acompanhe-nos durante todo o ano para explorar ainda mais essas tendências e ver como elas estão sendo usadas por artistas no Blog da Adobe

Fique ligado em toda a nossa cobertura detalhada das tendências criativas. Confira nosso lançamento de tendências visuais de 2020 e continue nos acompanhando para mergulhar em tendências de vídeo e explorar mais a fundo cada tendência ao longo do ano.

Faça parte da nossa família de fotógrafos e ilustradores!


Adobe Stock Colaborador

Posted on 01-23-2020


Join the discussion